Petroleiro critica grife North Face por ‘sinalização de virtudes’

O ritual de empresas darem brindes de Natal aos seus empregados em geral não causa disputas. Mas, quando o presidente-executivo de uma empresa americana de prospecção de petróleo foi informado pela The North Face, que fabrica roupas, de que não podia mandar bordar o logotipo da companhia em casacos da grife, ele tornou a briga pública numa carta aberta em defesa do seu setor.
Leia mais (12/22/2020 – 00h13)

Escrever um comentário