Paulo Guedes é processado por discurso ofensivo contra servidores públicos

BSPF          05/05/2020

Entidades representativas de auditores fiscais federais, estaduais e municipais ingressaram com uma ação coletiva por danos morais contra o ministro da Economia, Paulo Guedes por ter feito discurso ofensivo contra servidores públicos

Uma ação contra o ministro da Economia foi protocolada na Justiça Federal em Brasília contra o ministro da Economia Paulo Guedes. Ele ofendeu servidores públicos. Guedes poderá ser condenado ao pagamento de indenização no valor de R$ 200 mil por danos morais.

Em fevereiro, Guedes comparou servidores públicos a “parasitas”, informa O Estado de S.Paulo. “O cara (funcionário público) virou um parasita e o dinheiro não está chegando no povo”, disse o ministro em 7 de fevereiro. 

Na segunda-feira passada (27), Guedes cobrou contribuição dos servidores na crise provocada pela pandemia do novo coronavírus. “Precisamos também que o funcionalismo público mostre que está com o Brasil, que vai fazer um sacrifício pelo Brasil, não vai ficar em casa trancado com geladeira cheia e assistindo a crise enquanto milhões de brasileiros estão perdendo emprego”, disse, ao lado de Jair Bolsonaro.

O presidente da Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Fenafisco), Charles Alcantara, diz que Paulo Guedes é irresponsável ao utilizar o cargo e a visibilidade de sua imagem para tentar convencer os brasileiros de um discurso que ofende os servidores públicos.

Fonte: Brasil 247

Escrever um comentário