Guedes diz que funcionários públicos não devem pedir aumento “por um tempo”

O Antagonista          27/04/2020
Ao conversar com os jornalistas na saída do Palácio da Alvorada, ao lado de Jair Bolsonaro, Paulo Guedes pediu um “sacrifício” para os funcionários públicos em meio à atual crise.
“Precisamos que o funcionalismo público mostre que está com o Brasil, que vai fazer um sacrifício pelo Brasil, não vai ficar em casa trancado com a geladeira cheia assistindo à crise enquanto milhões de brasileiros estão perdendo empregos”, disse o ministro da Economia.
“Eles [funcionários públicos] vão colaborar. Vão ficar sem pedir aumento por um tempo.”
Ele disse também:
“Ninguém vai tirar [direitos]. O presidente disse que ninguém tira direito, salário, ninguém encosta em nenhum direito que existe hoje. Mas, por atenção aos brasileiros, não peçam aumento por um ano e meio. Contribuam com o Brasil.”

Escrever um comentário